Pai e filha morrem com três horas de diferença no Paraná

por Letícia Tristão
com informações do OBemdito
Publicado em 27 fev 2024, às 13h06.

A morte de uma filha apenas três horas depois do falecimento do pai chamou atenção e comoveu moradores de Iporã, noroeste do Paraná.

Eva Donizete Botura, de 66 anos, cuidava do pai acamado, Aleicho Botura, de 89 anos. Ele morreu nessa segunda-feira (26), vítima de um infarto, conforme o OBemdito. Três horas depois, Eva, que morava na mesma residência, teria tido um mal súbito e também não resistiu.

A situação foi compartilhada nas redes sociais de moradores da cidade, que lamentaram nos comentários a morte dos dois.

Os velórios de pai e filha ocorrem na Capela Mortuária de Iporã, nesta terça-feira (27). O sepultamento está marcado para 16h, no cemitério do município.

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui

Mostrar próximo post
Carregando