Fórum das Micro e Pequenas Empresas amplia debates para acelerar ações

O Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná se reuniu nesta quinta- feira (22), na sede do Sebrae em Curitiba. A 13ª reunião ordinária do grupo foi marcada pelo planejamento das ações do primeiro semestre de 2012, o encaminhamento da Lei Geral ao governador, a reativação da Frente Parlamentar das ME/EPP, a implantação dos Fóruns Regionais, os cursos regionais de capacitação em compras governamentais para servidores públicos e empresários, a elaboração e implantação do Programa de Compras Públicas e da Redesim e a divulgação do Programa Bom Negócio Paraná.

De acordo com o diretor-geral da Secretaria da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul do Estado do Paraná, Ercílio Santinoni, que coordena os trabalhos do Fórum, os comitês temáticos darão mais agilidade e resultados. “São ambientes onde discutimos tecnicamente as principais dificuldades e entraves do setor”, disse Santinoni. Junto com ele na gestão do Fórum estão o coordenador de Desenvolvimento Industrial da Seim, Mario Doria, e o coordenador de Políticas Públicas do Sebrae/PR, Cesar Reinaldo Rissete.

Os seis comitês do Fórum são: Racionalização Legal e Burocrática; Investimento e Financiamento; Formação e Capacitação Empreendedora; Tecnologia e Inovação; Comércio Exterior e Integração Internacional. Cada grupo de trabalho conta com dois coordenadores, um pela iniciativa privada e outro pelo setor público.

Doria afirma que os trabalhos nos próximos encontros tendem a ser dinâmicos, com a participação prática de lideranças no debate de temas para o tratamento diferenciado do segmento. “Resolvemos alterar a discussão dos assuntos. A primeira parte da reunião é mais expositiva e relata as realizações de cada trimestre. Na segunda fase, separado por comitês, as discussões são técnicas, o que levanta problemas do segmento e resoluções que devemos alcançar”, afirma Santinoni.

No entanto, além das demandas existentes no Estado, os comitês também tratam questões indicadas pelo próprio Fórum Permanente [nacional] das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do MDIC.

“O fato é que estamos debatendo questões que estão em pauta em Brasília. Queremos saber o que podemos trazer de soluções para o Paraná e também o que podemos contribuir com nossas experiências no fórum nacional”, disse Rissete.

 

23 mar 2012, às 00h00.
Mostrar próximo post
Carregando