Londrina tem maior saldo de empregos gerados no mês de janeiro

Segundo o Caged, cidade gerou 1.576 novos empregos celetistas, 8,8% a mais se comparado com mês de dezembro de 2011; setor de serviço foi o que mais criou 

De acordo com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), através do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), Londrina apresentou saldo positivo de 1.576 empregos em janeiro, o melhor índice desde 1999, quando o cadastro foi criado. O número representa um crescimento de 51,4%, se comparado ao mesmo mês de 2011.

Em 2012, foram admitidos 8.978 trabalhadores e demitidos outros 7.402, o que apontou um crescimento de 1,04% de variação em relação ao estoque de empregos celetistas. Os setores que mais geraram empregos foram os de serviços, indústrias de transformação e construção civil, sendo admitidos 1.216, 204 e 150 empregados, respectivamente. Em contrapartida, os serviços industriais de utilidade pública e comércio registraram os piores índices, somando uma baixa de 32 postos.

Para a secretária municipal de Trabalho Emprego e Renda, Neiva Vieira, o resultado demonstra um ciclo contínuo em relação ao crescimento na geração de empregos do atual governo. “É um resultado de significativos investimentos, que ocorreu devido a criação da Secretaria do Trabalho na implantação dos inúmeros programas de qualificação profissional, resgate de credibilidade, além da cidade ser atração de novos investidores, empresários e parceiros”, afirmou.

Até então, o melhor desempenho obtido pelo município na geração de empregos era o mês de janeiro de 2010, seguido por janeiro de 2011. “Estamos mais do que satisfeitos. Isso mantém o nosso mercado de trabalho forte e aquecido”, completou Neiva Vieira.

27 fev 2012, às 00h00.

No Ar

Cidade Alerta Paraná

Tudo que acontece no Paraná e que afeta o seu o dia a dia, de segunda a sexta, com Paulo Gomes.

🔴AO VIVO

Próximos programas

  • 22h20 RIC Notícias Noite
Mostrar próximo post
Carregando