Candidato a prefeito é assassinado a tiros horas antes de eleição

Somente no período eleitoral deste ano, 38 políticos já foram assassinados antes da votação no país

por Eduardo Teixeira
com informações do jornal argentino Infobae
Publicado em 4 jun 2024, às 06h45. Atualizado às 06h49.

Um candidato a prefeito foi assassinado a tiros horas antes da eleição em que iria disputar, na cidade de San Juan Benito Juàrez, no México, na noite do último sábado (1º). A vítima foi identificada como Israel Delgado Vega, de 36 anos.

Candidato a prefeito é assassinado a tiros horas antes de eleição
Ao todo, 38 candidatos já foram assassinados antes das eleições que ocorreram neste fim de semana, no México, somente em 2024 (Foto: Reprodução/ Facebook/Reuters)

O homem disputava a eleição na chapa da prefeita Rosa Elia Milan Pintor, candidata à reeleição. De acordo com o site de notícias argentino Infobae, o político foi atingido por vários tiros na porta de casa. Dois homens em uma moto são suspeitos do crime.

Após o crime, a polícia nacional foi até a região onde aconteceu o assassinato e fez buscas. No entanto, ninguém foi preso até o momento. A motivação do crime ainda está em investigação.

Candidato a prefeito é assassinado: tensão no México

Ao todo, 38 candidatos já foram assassinados antes das eleições que ocorreram neste fim de semana, no México, somente em 2024. Conforme as autoridades, as mortes em período eleitoral tem relação com o narcotráfico na região.

Claudia Sheinbaum, de 61 anos, candidata favorita a vencer a disputa, foi alvo de diversas perguntas durante a campanha sobre a alta taxa de homicídios. Já a oposição aponta que as mortes são motivos para uma mudança na política. 

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui

Mostrar próximo post
Carregando