Mãe suspeita de matar filhos em Guarapuava pode ter cometido os crimes em dias diferentes

por Bruna Melo
com informações de Bruna Froehner, da RICtv
Publicado em 28 ago 2022, às 13h18. Atualizado em: 29 ago 2022 às 10h14.

Foram divulgadas novas informações sobre a morte de duas crianças em Guarapuava, cidade do Centro-Sul do Paraná. Em entrevista à RICtv, neste domingo (28), a delegada Ana Hass disse que os assassinatos podem ter acontecido em dias diferentes. Os dois corpos foram encontrados em cima da cama da mãe, principal suspeita, neste sábado (27).

A hipótese do espaço de tempo entre as mortes foi levantada após depoimento da irmã da suspeita. Ela contou que a mulher teria revelado ao advogado que asfixiou o filho, de 3 anos, no dia 13 de agosto e enforcou a filha, de 10, no dia 17. A delegada confirma que os corpos tinham leves diferenças na decomposição, mas que deve aguardar o laudo da necropsia para confirmações.

A mulher está presa em Guarapuava desde sábado (27), quando ligou para um advogado e disse ter matado os dois filhos e deixado os corpos no apartamento. A Polícia Civil e a Polícia Militar foram até o local, na Rua Benjamin Constant, e encontraram as vítimas. Na abordagem, ela confessou ter assassinado as crianças. Entretanto, no depoimento oficial para o inquérito, permaneceu em silêncio.

Segundo a delegada, os policiais encontraram o apartamento com uma desordem “comum”, que não era semelhante a cenas de crimes violentos. O corpo do menino, de 3 anos, estava virado para a parede e o da menina, de 10, de barriga para cima, no cômodo que fica no fundo do apartamento.

De forma extraoficial, a suspeita disse à delegada que nos 15 dias que conviveu com os corpos no imóvel, usou somente a sala, a cozinha e o banheiro. Ela limpou o corredor, porque disse que “ali estava incomodando”. Nos outros locais, o sangue permaneceu.

Sobre a motivação, Ana Hass conta que a mulher revelou ter optado por matar os filhos porque se sentia “cansada” e sem condições, tanto financeiras quanto emocionais, para cuidar das duas crianças.

“Ela disse que como ela já tinha a ideia de se matar, e o filhos dela não teriam ninguém, ela acabou tirando a vida dos filhos. O que não é verdade, porque o pai do menino de 3 anos estava em Santa Catarina, estava pagando pensão, segundo o relato dele, e os familiares dela também estavam em Santa Catarina”,

explica a delegada Ana Hess.

O pai do filho mais novo foi ouvido no sábado (27). Ele reconheceu que não tinha uma relação próxima com o garoto e que o relacionamento com a mulher foi breve, ficando conturbado após a descoberta da gravidez.

A Polícia Civil deve concluir o inquérito em 10 dias. A equipe busca por outros depoimentos, laudos e imagens de câmeras de segurança.

A suspeita, que ainda não possui advogado de defesa, deve responder por ocultação de cadáver, fraude processual e dois homicídios qualificados. Ela será transferida à unidade feminina da Cadeia Pública de Pitanga, onde deve aguardar a decisão da Justiça se responderá em liberdade ou permanecerá presa.

Os velórios das crianças acontecem no estado de Santa Catarina. A família aguarda liberação do Instituto Médico Legal (IML).

O caso

Neste sábado (27), um advogado de Santa Catarina comunicou à Polícia Civil de Guarapuava ter recebido a ligação de uma mulher que dizia ter matado os dois filhos.

Os policiais foram até o endereço repassado e encontraram os corpos em cima da cama da mãe. As crianças estavam escondidas embaixo de uma coberta há aproximadamente 15 dias, enquanto a suspeita permanecia vivendo no imóvel.

Sem oferecer resistência, ela disse de forma extraoficial ter cometido o crime no dia 13 de agosto. Ela teria matado o filho, de três anos, asfixiado por um travesseiro. Em seguida, teria enforcado a filha, de 10, com um cachecol até a morte. A peça de roupa ainda estava no pescoço da vítima, quando os policiais chegaram. Um dos pulsos da garota foi cortado.

As vítimas são filhas de pais diferentes, sendo que o da menina já faleceu.

Mostrar próximo post
Carregando
vulkan vegas, vulkan casino, vulkan vegas casino, vulkan vegas login, vulkan vegas deutschland, vulkan vegas bonus code, vulkan vegas promo code, vulkan vegas österreich, vulkan vegas erfahrung, vulkan vegas bonus code 50 freispiele, 1win, 1 win, 1win az, 1win giriş, 1win aviator, 1 win az, 1win azerbaycan, 1win yukle, pin up, pinup, pin up casino, pin-up, pinup az, pin-up casino giriş, pin-up casino, pin-up kazino, pin up azerbaycan, pin up az, mostbet, mostbet uz, mostbet skachat, mostbet apk, mostbet uz kirish, mostbet online, mostbet casino, mostbet o'ynash, mostbet uz online, most bet, mostbet, mostbet az, mostbet giriş, mostbet yukle, mostbet indir, mostbet aviator, mostbet casino, mostbet azerbaycan, mostbet yükle, mostbet qeydiyyat