Modelo morre após ser arrastada por trem durante sessão de fotos

Segundo testemunhas, o vestido dela foi sugado pela roda do trem, ficou preso e e ela foi arrastada. Os serviços de emergência foram acionados, mas vítima morreu no local

Publicado em 31 maio 2024, às 10h20.

Uma modelo de 35 anos morreu durante uma sessão de fotos após ser atropelada por um trem. De acordo com informações preliminares, o acidente ocorreu após o vestido que ela usava ficar preso em uma das rodas do veículo. O caso foi registrado na última segunda-feira (20), em Guadalajara, no México.

Segundo testemunhas, a modelo estava muito próxima do trem e teve o vestido ‘sugado’ (Foto: reprodução/redes sociais)

Conforme a mídia internacional, a modelo Cinthya Higareda Bermejo estava muito próxima aos trilhos do trem para fazer as fotos. Testemunhas do acidente acionaram os serviços de emergência, porém a modelo morreu de forma instantânea.

De acordo com as testemunhas, o vestido de Cinthya foi sugado, ficou preso em uma das rodas e a modelo foi arrastada pelo trem. Segundo informações, o trem estava a 180 km/h.

Conforme o procurador do Estado de Jalisco, Joaquín Méndez Ruiz, “tudo indica que foi um acidente” ocorrido porque “ele se aproximou muito do trem durante sua passagem”. O corpo da modelo foi retirado dos trilhos e deve passar por necropsia.

Cinthya Higareda Bermejo era natural da Venezuela, além de modelo ela também atuava como influenciadora digital.

Mais de 300 pessoas já morreram tentando tirar fotos

Anteriormente foram registrados outros casos de pessoas que morreram ao tentar tirar uma foto. Em abril deste ano, uma mulher de 39 anos morreu ao tentar tirar uma selfie em Abkhazia, na Geórgia (EUA). A mulher escalou uma barreira, tropeçou e despencou de um mirante de aproximadamente 55 metros. 

A vítima identificada como Inessa Polenko foi socorrida, mas morreu pouco depois no hospital. Inessa era ativa nas redes sociais e sempre compartilhava selfies em diversas partes do mundo.

Conforme a Fundação iO, aproximadamente 379 pessoas morreram enquanto tentavam fazer selfie. Os dados são de janeiro de 2008 a julho de 2021. Os locais onde mais ocorreram mortes por causa de fotos foram na Índia com 100 casos, Estados Unidos, com 39 casos e a Rússia, com 33 casos. O Brasil também aparece na lista, na quinta posição com 17 casos.

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui!

Mostrar próximo post
Carregando