A preocupação com o meio ambiente vai além das palestras e convênios firmados ao longo do ano pela Coopavel, ela pode ser verificada na prática, principalmente durante a realização da 36ª edição do Show Rural. Aproximadamente 200 colaboradores estão envolvidos nos serviços de coleta, limpeza, separação e gestão dos resíduos gerados entre os dias 5 e 9 de fevereiro. 

“Nós temos uma grande preocupação com a gestão dos resíduos, devido ao grande volume gerado, desde as etapas de montagem e desmontagem da feira, além dos dias de realização do evento em si”, comenta a coordenadora da área de Meio Ambiente do Show Rural Coopavel, Lucimar Novaes da Silva. 

Todos os resíduos gerados são coletados por uma equipe da Coopavel, são encaminhados para a Unidade de Triagem de Resíduos (UTR), localizado no final do espaço onde é realizado o Show Rural. Lá eles são separados entre resíduos que são passíveis de reciclar e dos rejeitos (material sujo) e resíduos orgânicos. “Na UTR esses resíduos são todos separados, os recicláveis são prensados e depois é dada a correta destinação final para cada tipo de material de acordo com práticas sustentáveis”, explica Lucimar.

Dentro do parque estão distribuídas lixeiras diferenciando para o descarte desses materiais. “É lógico que enfrentamos ainda um grande desafio, que é a questão cultural, temos muita dificuldade ainda da separação na fonte, no momento da geração. Então, na unidade de triagem fazemos esse trabalho final. São 40 pessoas só cuidando da separação dos resíduos e mais 30 na coleta. São sete equipes fazendo a coleta e levando para a unidade triagem”, relata a coordenadora.

Segundo Lucimar, a expectativa para esse ano é recolher algo entre 120 a 140 toneladas de resíduos no parque, no evento como um todo, contemplando todas as etapas do evento. Com o auxílio de uma prensa, cedida provisoriamente pela prefeitura de Cascavel, os resíduos são compactados e armazenados na UTR até ser dada a destinação final. 

9 fev 2024, às 18h56.
Mostrar próximo post
Carregando