Museu Alfredo Andersen abre mostras de pintura e desenho

O Museu Alfredo Andersen abre nesta sexta-feira (23) duas novas exposições. A mostra “Transeuntes”, do artista plástico Odil Miranda Ribeiro, focaliza as características e signos da sociedade. São telas produzidas a partir de fotos de pessoas em situações cotidianas. Já a mostra “Masa” faz uma retrospectiva do trabalho do artista japonês Masanori Fukushima, morto em 2008. As obras podem ser vistas até 6 de maio e a entrada é gratuita.

TRANSEUNTES – A mostra traz um pouco das transformações da cidade para a sala de exposição. Com uma obra de característica fortemente realista, Odil Miranda Ribeiro desenvolve sua poética em torno da construção da identidade coletiva de regiões urbanas.

As telas são produzidas tomando como referência fotos de pessoas em situações cotidianas, captadas em áreas centrais da cidade. Nas transposições para as telas, há um esforço em apreender e gerar uma interpretação das imagens, das características e dos signos dessa sociedade em transformação.

O artista nasceu em São Paulo, em 1961. Aproximou-se das artes atuando profissionalmente como fotógrafo e diretor de arte em agências de publicidade, funções que exerceu até meados dos anos 90, quando foi morar na Europa. De volta ao Brasil, Ribeiro fez o curso superir de pintura na Escola de Música e Belas Artes do Paraná.

Em 2009, durante o período em que viveu no México, frequentou o ateliê de pintura na “Casa de la Cultura Jesús Reyes Heroles”, sob orientação do mestre Pedro Hernandes, que foi assistente do artista plástico mexicano Diego Rivera.

MASA – Masanori Fukushima (1931-2008), mais conhecido como Masa, nasceu em Kobe, Japão. Antes de tornar-se pintor, dedicava-se ao ensino das ciências sociais na Universidade de Takushoku, em Tóquio, onde lecionou durante 30 anos e publicou diversos livros na área.

Mas foi no Brasil que ele desenvolveu trabalhos como artista plástico, nos quais conseguiu explorar, experimentar e criar técnicas. O Museu Alfredo Andersen teve importante papel no crescimento do artista, por ter sido onde ele estudou e ensinou.

A mostra “Masa” apresenta o resultado dessa segunda fase da sua vida, com uma pequena retrospectiva desde a fase inicial, mais figurativa, até o final, com características gestuais, muito ligadas ao trabalho de caligrafia japonesa que desenvolvia. A exposição também contempla os desenhos de Masa, quando ele fazia uma espécie de documentação dos espaços que frequentava.

Serviço: Exposições “Transeuntes”, de Odil Miranda Ribeiro, e “Masa”, de Masanori Fukushima.

Abertura: sexta-feira, dia 23, às 19 horas

Período expositivo: de 24 de março a 06 de maio de 2012

Local: Museu Alfredo Andersen – Rua Mateus Leme, 336 – Curitiba

21 mar 2012, às 00h00.

No Ar

RIC Notícias Live

As notícias mais curiosas e importantes do Paraná e do Brasil, de segunda a sexta-feira, com Manuella Niclewicz e Evandro Harenza.

🔴AO VIVO

Próximos programas

  • 20h55 Cidade Alerta Paraná
  • 22h20 RIC Notícias Noite
Mostrar próximo post
Carregando