Projeto Um Escritor na Fronteira leva autores a Foz do Iguaçu

Foz do Iguaçu entra na rota da literatura contemporânea brasileira, a partir desta quarta-feira (19) com a primeira edição do projeto “Um Escritor na Fronteira”. Até dezembro, a cidade recebe cinco grandes escritores, que falarão de suas obras, métodos de criação e hábitos de leitura em bate-papos mensais.

O primeiro encontro será com o romancista Milton Hatoum, às 19h30 de quarta-feira (19), na Fundação Cultural de Foz do Iguaçu, que apoia o projeto. A mediação do encontro será de Rogério Pereira, diretor da Biblioteca Pública do Paraná (BPP). O projeto é uma realização da Associação dos Amigos da BPP, com patrocínio de Itaipu Binacional.

“Vamos levar a Foz do Iguaçu alguns dos principais nomes da prosa e poesia brasileira, possibilitando que os leitores entrem em contato com as ideias de grandes autores. Além disso, o projeto é uma forma de descentralizar as ações do Plano Estadual do Livro, Leitura e Literatura”, diz Rogério Pereira.

O contista e roteirista Marçal Aquino, o escritor infantojuvenil Ilan Brenman, a jornalista Eliane Brum e o romancista Alberto Mussa estão na programação de 2012.

Milton Hatoum nasceu em Manaus em 1952, estudou arquitetura e ensinou literatura brasileira nas universidades do Amazonas e da Califórnia, nos Estados Unidos. Estreou na ficção com Relato de um certo Oriente (1989), que recebeu o prêmio Jabuti de melhor romance, assim como os seus livros seguintes: Dois irmãos (2000) e Cinzas do Norte (2005), todos publicados pela Companhia das Letras. Hatoum também já foi agraciado com os prêmios APCA, Bravo! e Portugal Telecom. O autor foi traduzido para diversas línguas e é publicado nos Estados Unidos e na Europa.

Serviço: 
Um Escritor na Fronteira – com Milton Hatoum
Mediação: Rogério Pereira
Local: Fundação Cultural de Foz do Iguaçu
Horário: 19h30
Programação completa
Milton Hatoum – 19 de setembro
Marçal Aquino – 17 de outubro
Ilan Brenmam – 1.º de novembro
Eliane Brum – 7 de novembro
Alberto Mussa – 5 de dezembro