As negociações entre Brasil e Paraguai a respeito da tarifa de energia elétrica da Itaipu Binacional ainda ocorrem, mas um acordo parece distante. A informação foi dada nesta sexta-feira (9), durante o Jornal da Manhã, da Jovem Pan.

O Paraguai, que vende parte da sua energia para o Brasil quer aumentar a taxa em 24%. O diretor-geral brasileiro da companhia, Enio Verri, disse que o Brasil não irá aceitar o valor pedido pelos paraguaios, por determinação do presidente Lula.

Verri argumenta que aceitar o aumento geraria mais despesas com energia para as famílias brasileiras. 

O impasse causou dificuldades para a Itaipu honrar os compromissos. Em janeiro, a Itaipu atrasou o pagamento de férias e 13º salário de alguns funcionários da companhia.

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui

9 fev 2024, às 10h41.
Mostrar próximo post
Carregando