Mãe viu bebê correr em direção ao trator antes de morrer

A vítima apresentava sinais de traumatismo cranioencefálico, sangramento nos ouvidos e no nariz, além de ferimentos no rosto

Publicado em 30 maio 2024, às 21h35. Atualizado às 21h38.
POST 2 DE 2

A mãe da bebê de 2 anos que morreu após ser atropelada por um trator na manhã desta quinta-feira (30), em Gralha, interior de Bela Vista do Toldo (SC), relatou à Polícia Militar que tentou salvar a filha. Segundo a mulher, ela estava em uma garagem quando viu a criança correndo em direção à máquina agrícola. A mãe correu atrás, mas encontrou a filha já caída no chão e machucada, e então começou a pedir ajuda.

Bebê de dois anos morre atropelada por trator agrícola
A criança não resistiu aos ferimentos e morreu. (Foto: imagem ilustrativa / Pexels)

Leia também:

Conforme o boletim policial, familiares levaram a menina no colo até a base de atendimento do Samu em Bela Vista do Toldo. Durante o trajeto até a UPA de Canoinhas, a menina sofreu uma parada cardiorrespiratória e foi reanimada. Na unidade de saúde, a equipe médica de plantão constatou o óbito.

De acordo com o portal ND+, o motorista do trator, que realizava um serviço de terraplanagem, relatou que estava fazendo uma manobra de marcha à ré quando percebeu a mãe já com a bebê no colo. Ele prestou socorro e seguiu para o hospital com a família. O motorista também recebeu atendimento médico devido ao estado de choque após ser informado sobre a morte da criança.

O condutor realizou o teste do bafômetro, que deu resultado negativo. Caso seja indiciado, ele pode responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui.

Mostrar próximo post
Carregando