por Guilherme Becker
com informações da PCPR

O cacique de uma aldeia em Espigão Alto do Iguaçu, em Quedas de Iguaçu, no sudoeste do Paraná, denunciou um estupro coletivo contra uma adolescente de 12 anos. Seis indígenas foram presos neste sábado (24), pela Polícia Civil do Paraná (PCPR), após serem flagrados cometendo o crime contra a vítima, que estava alcoolizada.

Segundo o delegado Emanuel Fernandes Monteiro de Almeida, tanto os autores como a vítima pertencem à aldeia. Após tomar conhecimento da ocorrência, o cacique acionou o Conselho Tutelar para denunciar os envolvidos.

Testemunhas relataram que os suspeitos ofereceram bebida alcoólica para a adolescente e na sequência foram encontrados em um recinto fechado, todos sem roupas. O delegado confirmou que a vítima estava completamente embriagada e foi levada para realizar exames em um hospital.

Já neste domingo (25), as prisões em flagrante foram convertidas em prisões preventivas e os suspeitos devem permanecer presos. O portal RIC.com.br aguarda retorno da Funai sobre a ocorrência.

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui

26 fev 2024, às 18h54. Atualizado em: 27 fev 2024 às 11h09.
Mostrar próximo post
Carregando