Moradores de Jacarezinho protestam por nova praça de pedágio

Publicado em 11 abr 2024, às 21h40. Atualizado às 22h02.

Moradores de Jacarezinho, no Norte Pioneiro paranaense, protestaram e levantaram cancelas da nova praça de pedágio nesta quinta-feira (11). Segundo os manifestantes, eles são moradores do bairro Marques do Reis e eram beneficiados por uma determinação judicial com a isenção nos dois pedágios da cidade, localizados nas BR-369 e BR-153.

Entretanto, uma nova decisão judicial publicada na última segunda-feira (8), derrubou o benefício. O juiz federal Vinícius Sávio Violi determinou que a cobrança retornasse 24 horas após a prefeitura de Jacarezinho ser intimada da determinação.

o fim da isenção irritou os moradores do bairro que organizaram o protesto. As cancelas das praças foram levantadas pelos manifestantes e motoristas que passaram pelos locais não pagaram as tarifas. a Polícia Rodoviária Federal (PRF) acompanhou a movimentação e não precisou intervir.

A tarifa para carros, caminhonetes e furgões na região é de R$ 12. Caminhões leves e ônibus, entre outros tipos de veículos, pagam R$ 24.

Concessionária critica manifestação

Por meio de nota, a EPR Litoral Pioneiro repudiou a manifestação dos moradores. A concessionária também reforçou que desde que iniciou sua operação, há 40 dias, vem cumprindo o que determina o contrato assinado com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e também acatado de imediato as decisões judiciais sobre o tema.

No início da noite desta quinta-feira (11) a empresa conseguiu na justiça a proibição de ocupação das praças de pedágio. Conforme a decisão, quem desobedecer a ordem será multado em R$ 5 mil a cada hora.

Quer receber notícias no seu celular? Entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui

Mostrar próximo post
Carregando