Suspeito de assalto ao Banco Central preso em Londrina usava documentos falsos 

por Guilherme Eduardo Morais
com supervisão de Guilherme Fortunato
Publicado em 29 fev 2024, às 18h21.
POST 2 DE 2

O homem, de 46 anos, preso em Londrina, no norte do Paraná, por ser suspeito de participar do assalto ao Banco Central de Fortaleza (CE) em 2005 e de tráfico internacional de drogas usava documentos falsos.  

De acordo com a Polícia Militar (PM) e o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), os documentos eram utilizados para o homem morar em um apartamento na cidade. Inclusive, a energia elétrica da residência estava registrada no nome falso. Também apreenderam diversos aparelhos eletrônicos no imóvel, os quais serão analisados na delegacia.  

Além disso, o Gaeco acredita que o suspeito de assalto ao Banco Central esteja envolvido em crimes na região norte do estado. “Ele teria se estabelecido em Londrina e vindo a praticar outros atos ilícitos”, explicou o promotor Leandro Antunes. 

Quer receber notícias no seu celular? Então entre no canal do Whats do RIC.COM.BR. Clique aqui.

Mostrar próximo post
Carregando