Patrocinadora máster rescinde contrato com Corinthians

A VaideBet afirmou que solicitou esclarecimentos ao Corinthians, mas que não teve resoluções apontadas pelo clube

por Raiane Parreira
com supervisão de Erick Mota
Publicado em 7 jun 2024, às 15h36. Atualizado às 15h37.

A casa de apostas “VaideBet” anunciou na manhã desta sexta-feira (07) o fim do contrato como patrocinadora máster do Corinthians. Empresa tinha contrato até o fim de 2026 com o clube paulista, com pagamento previsto em 370 milhões de reais.

Presidente e jogadores do Corinthians
VaideBet anuncia fim do contrato com o Corinthians (Foto: Jozzu/ Corinthians/ Instagram).

O motivo para o fim da parceria são as acusações contra o Corinthians nos últimos dias. No dia 28 de maio, a Polícia Civil abriu uma investigação sobre a possível existência de um “laranja” nos repasses do valor pago à empresa “Rede Social Media Design LTDA”, responsável por intermediar as partes do contrato.

Tal investigação foi aberta, portanto, após denúncia feita pelo Jornalista Juca Kfouri, em seu blog na UOL.

Posicionamento da VaideBet

A VaideBet, por sua vez, enviou na última terça-feira (04), uma notificação extraconjugal sobre o caso. A empresa também havia notificado, anteriormente, a Diretoria do Corinthians, afirmando que estaria sendo prejudicada por conta das notícias sobre o caso.

Nesta sexta-feira, então, a VaideBet divulgou em nota oficial, o fim da parceria:

“A VaideBet informa que exerceu nesta sexta-feira (7) a rescisão do contrato de patrocínio com o Sport Club Corinthians Paulista. Desde o início de abril a marca acompanha e solicita esclarecimentos sobre as suspeitas levantadas, tendo já realizado reuniões, comunicações formais e notificação extrajudicial. Diante das explicações apresentadas sem nenhuma resolutividade, a VaideBet lamentavelmente se vê obrigada a tomar tal atitude.”

“A marca avalia que não se pode manter a parceria enquanto pairar sobre o acordo qualquer suspeita em relação a condutas que fujam à conformidade com a ética e os preceitos legais. Só a dúvida, no crivo ético da marca, já é suficiente para determinar a rescisão – que foi exercida pela VaideBet suscitando cláusulas do contrato que protegem direitos da marca nessa decisão”, finaliza a nota da empresa.

O que diz o Corinthians?

No início da tarde o Corinthians soltou uma nota oficial em suas redes sociais, lamentando o ocorrido e disparou: “(…) O Corinthians lamenta que o parceiro comercial tenha encerrado o maior acordo de marketing esportivo do Brasil – do qual a empresa se beneficiou a ponto de sair de uma casa de apostas desconhecida para a segunda colocação no setor em apenas cinco meses – sem que houvesse nenhuma conclusão das investigações relacionadas ao intermediário da negociação.”

E ainda, assegura responsabilidades perante as investigações: “Vale ressaltar que o Corinthians é o maior interessado em resolver a questão citada. Por isso, não está medindo esforços para os fatos sejam elucidados, seja por meios próprios, por terceiros ou na colaboração junto às autoridades”.

Quer mais notícias do esporte paranaense? Então clique aqui e acesse o RIC Esporte Clube!

Mostrar próximo post
Carregando