Câmara debate devolução do Pinheirão ao município de Curitiba

A atuação do Legislativo Municipal junto à Federação Paranaense de Futebol (FPF) para pedir a devolução do Pinheirão ao município de Curitiba foi tema de discussão na Comissão de Serviço Público, na tarde desta quarta-feira (18). O presidente, vereador Jair Cézar (PSDB), disse que aguarda autorização do presidente da Casa, João Luiz Cordeiro (PSDB), para que sejam realizadas reuniões conjuntas com a Comissão de Urbanismo e Obras Públicas, presidida pelo vereador Felipe Braga Côrtes (PSDB).

De acordo com Jair Cézar, a participação nos debates sobre a situação do Pinheirão, abandonado há quatro anos, não será obrigatória aos membros das comissões. A expectativa do parlamentar é que os encontros sejam semanais, com início ainda este mês. Ele destacou que o estádio fica em um terreno de grande extensão, localizado em uma área nobre da capital.

No último encontro da comissão havia sido pedido um parecer à Procuradoria-Geral do município. Em resposta lida nesta quarta, a entidade alegou não ter a autonomia necessária para fazê-lo e se disse impedida de prestar consultoria jurídica aos vereadores sobre a questão do Pinheirão, ao ser questionada sobre qual é o melhor caminho para trazer a área de volta ao município.

O terreno onde fica o estádio foi doado em 1969, com exigências previstas em lei como a destinação de um espaço para bares e restaurantes, a construção de um auditório e a garantia de um estádio com a capacidade para 120 mil pessoas. O limite, no entanto, é para 25 mil.

20 abr 2012, às 00h00.
Mostrar próximo post
Carregando