Visconde de Guarapuava terá ciclovia no canteiro central

A Prefeitura de Curitiba, em parceria com o governo do Estado e a Copel, vai ampliar a malha cicloviária da cidade em mais 3,5 quilômetros com a implantação de pista exclusiva para bicicletas no canteiro central da Avenida Visconde de Guarapuava.

A nova ciclovia fará conexão nas duas pontas com os ramais cicloviários das avenidas Mariano Torres e Sete de Setembro. O novo ramal é importante ligação que passa por bairros e o centro comercial da cidade facilitando os deslocamentos de quem segue ao trabalho de bicicleta.

A proposta do prefeito de Curitiba foi apresentada ao governador Beto Richa, que aprovou a ampliação da rede subterrânea de energia elétrica em Curitiba e uma delas será na avenida Visconde de Guarapuava.

O projeto de implantação da ciclovia e de renovação urbana da Visconde de Guarapuava foi desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc).

Duas faixas – Serão duas faixas de circulação por sentido. A ciclovia ficará segregada das pistas de carros por meio uma faixa de canteiro. O Ippuc também fechará as áreas de transposição de pista no meio do canteiro para deixar o fluxo dos ciclistas direto. Paraciclos serão colocados em alguns pontos da ciclovia.

“Essa será uma ciclovia emblemática, bem no meio de uma das mais movimentadas avenidas da cidade e no coração da área central, mostrando a importância do ciclista na mobilidade urbana da cidade”, afirma o presidente do Ippuc, Cléver de Almeida.
Rede subterrânea – Na rede subterrânea da avenida o governo investirá quase 13,8 milhões, a Copel outros R$ 4 milhões e a Prefeitura ficará responsável pelos custos de renovação urbana. Além da ciclovia, a Prefeitura fará ainda novas calçadas dos dois lados da avenida.

A obra completa na Visconde será de cinco quilômetros, desde a rua Ubaldino do Amaral, no Alto da XV até a rua Castro Alves, via rápida que cruza a Sete de Setembro no Seminário em direção ao Pinheirinho.

A Secretaria Municipal de Obras Públicas será, junto com a Copel, responsável pelo projeto da nova iluminação da avenida. As obras na Visconde de Guarapuava estão previstas para 2013.

2 jul 2012, às 00h00.
Mostrar próximo post
Carregando